Cloreto de Magnésio PA – quais os principais benefícios para o nosso organismo?

 

cloreto de magnesio

O cloreto de magnésio é um dos tipos em que podemos encontrar o elemento magnésio, que possui inúmeros benefícios em sua utilização para determinados fins, como desintoxicação e limpeza de toxinas do corpo, sendo metabolizado pelo organismo humano com extrema facilidade.

É um suplemento mineral muito usado para repor o magnésio no sangue, quando há a deficiência dele. E o magnésio é de extrema importância para manter o funcionamento adequado dos músculos, das células, nos nervos, dos ossos e do coração. É normal que, com sua alimentação do dia-a-dia, você consiga suprir as necessidades de Magnésio no corpo, porém, algumas situações façam necessário aumentar esses níveis de Magnésio.

Situações tais como, medicamento para o controle da pressão arterial, tratamento com medicamentos diuréticos, alcoolismo, vômitos frequentes e diabetes mal controladas faz-se necessário elevar os níveis de magnésio do corpo.

Sem este mineral, nós seríamos incapazes de fazer nossos vasos sanguíneos funcionarem de maneira correta ou até mesmo realizar funções simples e cotidianas como mover-nos, além de que nossos rins não iriam nada bem.

Ele melhora a digestão e faz com que nosso corpo funcione de maneira mais otimizada e tranquila quando é consumido da maneira correta. Conheça alguns de seus benefícios.

O Cloreto de Magnésio PA é um composto químico de fórmula MgCl2 constituído por um íon magnésio e dois íons cloreto.É usado na medicina para fins terapêuticos como fonte de íons de magnésio essenciais para muitas atividades celulares.

Assim como o lugol ele é de enorme importância, todo mundo deveria tomar diariamente, pois os alimentos estão pobres deste mineral. As plantas precisam do magnésio para respirar, ou seja, é ele que captura a luz solar e transforma em energia (fotossíntese.)

O que se acontece hoje em dia é que não há mais reposição do magnésio na terra, antigamente as casas tinham fossas, e o próprio ser humano fazia o trabalho de reposição deste mineral no solo.

Havendo assim uma pauperização crescente de magnésio nas terras, por não se repor. O mesmo regula o metabolismo do cálcio no metabolismo, ele que fixa cálcio onde deve haver e elimina não existe em excesso.

As calcificações de coluna, juntas, artérias etc. ocorrem por justamente haver uma carência deste mineral. Conhecido como magnésio quelado, magnésio citrato, cloreto de magnésio PA etc.  é tão importante que é capaz de ativar o sistema imunológico.

Aproximadamente 60% dele está armazenado nos ossos, 26% nos músculos, e os 14% restantes estão distribuídos pelos outros tecidos e fluidos corporais. Há uma alta concentração de nos órgãos mais ativos, como o cérebro, coração, fígado e rins. Assim como a Vitamina D3 o magnésio é tão precioso para o corpo que fica quase todo guardado dentro das células, no compartimento intracelular. Somente 1% do nosso magnésio total circula pelo sangue.

No PubMed, (site que publica pesquisas médicas indexadas) encontram-se milhares de estudos científicos sobre os benefícios deste mineral na saúde humana. Assim como o Google Acadêmico

Quais são os alimentos ricos em magnésio que ajudam a garantir a nossa necessidade diária do nutriente? O organismo humano precisa do magnésio por diversos motivos. Sem ele, o corpo não seria capaz de produzir energia, os músculos ficariam se contraindo por todo o sempre e o colesterol sanguíneo não poderia ser controlado.

O mineral ainda mantém e regula a atividade das enzimas, mantém a saúde dos ossos, participa do metabolismo dos carboidratos, ajuda a controlar os níveis de glicose no sangue, regula a pressão arterial, relaxa os músculos, controla os nervos, auxilia o sistema imunológico e contribui com a produção de proteínas.

Além disso, uma pesquisa realizada pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, mostrou que consumir altas doses do nutriente por dia pode reduzir em 33% o risco de desenvolvimento de diabetes.

Quando uma pessoa não consome as doses de magnésio que seu corpo necessita ela pode sofrer com a deficiência do nutriente. Apesar da condição ser rara, ela pode trazer problemas como fraqueza muscular, apatia, confusão, fadiga, insônia, batimento do coração acelerado, contração muscular contínua, dormência, irritabilidade, falha na memória, delírios, alucinação e formigamento.

Para não sofrer com problemas assim e garantir o bom funcionamento do corpo, o ideal é certificar-se que o mineral esteja presente nas refeições. Por isso, é importante investir em alimentos que contém magnésio, como os que você confere na lista a seguir.

Alimentos Ricos em Magnésio

Veja os alimentos onde você encontra uma maior quantidade do magnásio.

1 – Espinafre

100 g de espinafre cru contêm 79 mg de magnésio.

2 – Sementes de abóbora

Outro dos alimentos ricos em magnésio é a semente de abóbora. Uma porção de aproximadamente 100 g fornece em torno de 541 mg do mineral.

3 – Cavala

O peixe cavala também é fonte da substância: são 97 mg encontrados a cada porção de 100 g.

4 – Grãos de soja

Os grãos de soja também entram na lista dos alimentos ricos em magnésio, com 86 mg presentes a cada 100 g.

5 – Arroz integral

Por sua vez, o arros integral contém 44 mg de magnésio a cada porção de 100 g.

6 – Abacate

Um abacate de 100 g oferece 29 mg de magnésio.

7 – Iogurte natural sem gordura

Sim, aquele potinho de iogurte natural sem gordura que você consome no café da manhã, no lanchinho da tarde ou depois do jantar também é fonte de magnésio. Um copinho de pouco menos de 200 g oferece 38,3 mg da substância.

8 – Banana

100 g de bananas cortadas em fatias oferecem 27,3 mg da substância.

9 – Figo seco

68 mg de magnésio são encontrados em uma porção de 100 g de figo seco.

10 – Chocolate amargo

Sim! É possível saborear a gostosura e ainda abastecer o corpo com magnésio. Afinal, são 327 mg do mineral presentes em 100 g de chocolate amargo.

11 – Couve

A couve também é vista como um dos alimentos ricos em magnésio porque contém 34,7 mg da substância a cada porção de 100 g.

12 – Acelga

Uma porção correspondente a uma xícara de acelga contém 285,7 mg de magnésio.

13 – Amêndoas

Quem consome 100 g de amêndoas ganha também 80 mg de magnésio.

14 – Feijão preto

Uma porção equivalente a ½ xícara de feijões pretos é composta por 60 mg do nutriente.

15 – Salmão

Outro peixe que serve como uma boa fonte de magnésio é o salmão que contém 27 mg da substância a cada 100 g.

16 – Coentro

A erva aromática possui 26 mg de magnésio a cada 100 g.

17 – Castanha de caju

236,6 mg de magnésio estão presentes em 100 g de castanha de caju torrada e salgada.

18 – Alcachofra

Existem 60 mg em cada porção de 100 g de alcachofra.

Quanto de magnésio cada pessoa deve consumir por dia?

  • Até seis meses de vida: 30 mg;
  • De 7 a 12 meses: 75 mg;
  • De 1 a 3 anos: 80 mg
  • De 9 a 13 anos: 240 mg
  • De 14 a 18 anos: 410 mg para homens, 360 mg para mulheres, 400 mg para grávidas e 360 mg para mulheres amamentando;
  • De 19 a 30 anos: 400 mg para homens, 310 mg para mulheres, 350 mg para grávidas e 310 mg para mulheres amamentando;
  • De 31 a 50 anos: 420 mg para homens, 320 mg para mulheres, 360 mg para grávidas e 320 mg para mulheres amamentando;
  • A partir de 51 anos: 420 mg para homens e 320 mg para mulheres.

Excesso de magnésio no organismo

Geralmente, o próprio organismo se livra de quantidades extras de magnésio que possam estar ali presentes e não são comuns efeitos colaterais decorrentes do exagero do consumo do nutriente, a não ser que isso ocorra por conta da utilização de suplementos alimentares.

Como manter os nutrientes dos alimentos ao cozinhar

Para aproveitar bem o magnésio, assim como os outros nutrientes disponíveis nos alimentos que você consome, é importante prestar atenção ao modo como elas são preparadas, pois isso pode fazer com que esses nutrientes se percam.

E as táticas para evitar que isso aconteça são: cozinhar no vapor, não fatiar muito, cozinhar com a casca, não cozinhar por muito tempo, utilizar pouca água, preparar tudo no fogo alto, não armazenar os alimentos por muito tempo na geladeira e reutilizar a água usada no cozimento para preparar outro alimento, pois essa água pode reter vitaminas, que em vez de serem perdidas, serão reaproveitadas em outro prato.

Cloreto de magnésio para que serve?

ELE FAZ PARTE DE MAIS DE 300 REAÇÕES QUÍMICAS DO CORPO HUMANO.

Em nosso dia-a-dia, muitas vezes não nos alimentamos de forma correta e isso deixa o nosso corpo com deficiência de alguns nutrientes e vitaminas essenciais para a sobrevivência do nosso organismo, no entanto atualmente é possível repor essas vitaminas.

Ele é um composto químico formado por cloro e magnésio, esse composto em líquido se torna um suplemento alimentar muito utilizado para repor ou compensar o consumo indevido ou absorção de magnésio na dieta.

No entanto esse composto de mineral contém magnésio menos elementar, que está disponível para absorção pelo organismo, do que outros compostos de magnésio utilizados em suplementos, incluindo o óxido de magnésio, Cloreto de Magnésio e hidróxido de magnésio.

Ele normalmente é utilizado para suprir os baixos níveis de magnésio presente no sangue, de pessoas que ingere constantemente medicamentos ou que possui alguma doença que inibe a capacidade do seu corpo em absorve o magnésio presente nos alimentos.

A deficiência de magnésio no sangue geralmente é causada por intermédio de tratamentos realizados com medicamentos diuréticos, antibióticos ou medicamentos usados no tratamento de câncer, além disso, a deficiência de magnésio no corpo também pode ocorrer devido a outros problemas como; diabetes mal controlada, alcoolismo crônico, e doenças de má absorção entre outros.

Pessoas que foram submetidos à cirurgia intestinal também possui grande risco de sofrer com a deficiência de magnésio no sangue, como consigo identificar a falta de magnésio em meu corpo?

Pessoas com deficiência de magnésio normalmente sofrem alguns sintomas como, por exemplo, anorexia, náuseas, vômitos, fadiga, fraqueza, dormência, formigamento, contrações musculares e câimbras, convulsões, alterações de personalidade, arritmia e espasmos coronários.

Ele por sua vez desempenha um papel importante em nosso corpo ele é essencial para mais de 300 reações bioquímicas, ainda ajuda a manter os nossos músculos, nervos mais fortes e vigorosos, além disso, aumenta a imunidade do corpo impedindo arritmia, ajuda a regular o açúcar no sangue, controla a pressão arterial entre vários outros.

 Como já relatado o magnésio é importante e desempenha diversas funções em nosso organismo embora ele não possa ser consumido por qualquer tipo de pessoa. Pois ele possui diversos efeitos colaterais que podem causar riscos maiores se for tomado de forma indevida, então a dica é procurar um médico antes de qualquer coisa.

Em alguns organismos pode apresentar alguns efeitos colaterais como, por exemplo, diarreia, náusea e dor abdominal. Grandes doses de magnésio suplementar podem causar toxicidade de magnésio, especialmente em pessoas que possuem problema renal.

Mantenha sua atenção redobrada, pois o seu uso em casos de pessoas que esteja sendo medicado com sulfato de sódio poliestireno, digoxina, antibióticos, medicamentos para osteoporose ou doença de Paget, reposição do hormônio tireoidiano ou anfetaminas, incluindo medicamentos para déficit de atenção e hiperatividade.

Apesar de ser contra indicado para algumas pessoas, possui vários benefícios para nossa saúde, que ajuda a manter nosso corpo mais saudável, jovem e revigorante, além disso, auxilia no combate e na prevenção de muitas doenças e infecções.

Vou citar algumas aplicações do magnésio: Doenças do aparelho digestivo, tais como colite e problemas na vesícula, doença de Parkinson, tremores e cãibras musculares, acne, eczema, psoríase, verrugas e prurido cutâneo, impotência, hipertrofia prostática, cerebral e problemas circulatórios, asma, febre, urticária e reações anafiláticas. Cabelo e unhas ficam mais fortes e saudáveis.

Efeito preventivo muito bom sobre o câncer e em condições pré-cancerosas, tais como leucoplasia, hiperqueratose e mastite crônica. Estudos epidemiológicos confirmou que as regiões ricas em magnésio no solo tinham menos câncer do que aqueles com baixos níveis magnésio.

Cloreto de Magnésio Benefícios.

 Realmente são muitos os benefícios do magnésio, ele é indicado para todas as idades desde que a pessoa não conviva com nenhuma das situações citadas acima. Logo abaixo irei citar alguns dos vários benefícios que este mineral pode proporcionar.

  • Ajuda purificar o sangue: Ajuda a equilibrar o PH do corpo, e posteriormente auxilia na prevenção de varias doenças;
  • Elimina o acido acumulado nos rins: Ajudando a manter o perfeito funcionamento do sistema renal;
  • Estimula as funções celebrais e impulsos nervosos: Auxiliando no equilíbrio mental, e, além disso, ajuda no funcionamento do cérebro;
  • Especialmente para praticante de esportes: É um ótimo suplemento para pessoas praticantes de esporte e outras atividades físicas, além disso, esse suplemento ajuda prevenir e combater lesões musculares, caibras, fadiga e cansaço muscular;
  • Ajuda no sistema cardiovascular:  Auxilia prevenindo doenças do coração;
  • Controla os níveis de colesterol: O magnésio ajuda na boa circulação do sangue e ajuda prevenir uma serie de doenças geradas no sangue;
  • Controle de varias doenças: É ótimo para combater depressão, enjoos e a fadiga, e mantem a temperatura do corpo normal.

Difteria, asma, bronquite, pneumonia e enfisema; faringite, amidalite, rouquidão, frio comum, gripe, coqueluche, sarampo, rubéola, caxumba, escarlatina; envenenamento, gastrenterite, furúnculos, abscessos, feridas infectadas e osteomielite.

Asma aguda, choque, tétano, herpes zoster, conjuntivite aguda e crônica, neurite óptica, as doenças reumáticas, muitas doenças alérgicas, Síndrome de cansaço crônico e efeitos benéficos no tratamento do câncer.

Em todos estes casos, ele tinha sido utilizado e deram resultados muito melhores do que outros compostos de magnésio.

Então o magnésio pode ajudar em: Problemas circulatórios, como ateroesclerose, edemas, varizes, inchaços.

Risco de infarto, síndrome do prolapso da válvula mitral, arritmias, perda do tônus cardíaco.

Stress crônico, depressão moderada, síndrome do pânico, desgaste do sistema nervoso.

Inflamações como artrites, reumatismo, osteoartrites e dores como a fibromialgia.

Diabetes do tipo I e II.Osteoporose e problemas ósseos.

Prisão de ventre, Hipertensão, Câimbras e dores nas pernas e extremidades,Ataques asmáticos

Rachaduras de pele, psoríases, eczema, acne, alergias e outros problemas de pele.

Síndrome da fadiga crônica, Equilíbrio do PH sanguíneo, Prevenção do câncer, Equilíbrio das funções do sistema imunológico.

Gastrite, Parkinson, Síndrome da fadiga crônica, Gota e ácido úrico entre outros.

Pode ser encontrado para a compra em qualquer farmácia em formato de tabletes, mas se você preferir ele também pode ser preparado em casa através de uma formula simples disponível aqui abaixo. Você vai precisar de:

  • 1 litro de água mineral ou filtrada ( sem cloro ).
  • 30 gramas de cloreto de magnésio cristalizado.
  • 1 colher de madeira.

Modo de Preparo

Depois que você tiver com todos os ingredientes, coloque um litro água para ferver, depois da fervura deixe a água esfriar por um tempo, em seguida coloque a água em uma vasilha e dissolva 30 gramas de de magnésio cristalizado, misture bem utilizando uma colher de madeira, depois tampe e aguarde.

A dosagem a ser administrado pode variar de acordo com o problema, ou de acordo a idade da pessoa.

Se você não tem costume de fazer uso do cloreto, o recomendado é procurar um medico para saber se você pode tomar e qual a dosagem ideal, entretanto a dosagem mais comum entre pessoas que vem fazendo uso do cloreto é de 2 colheres de magnésio para pessoas com idade superior a 35 anos, e meia colher de magnésio para pessoas com idade inferior a 35 anos.

É importante ressaltar que a administração do mesmo pode variar de acordo com a necessidade de cada pessoa, por isso a recomendação é buscar orientação médica antes de começar usa-lô.

Agora que você já sabe para que serve que tal começar a usufruir dos benefícios de suplemento que pode mudar sua vida te deixando mais saudável e mais bonito.

Saiba o que o Dr. Luiz Moura fala a respeito do Cloreto de Magnésio

Médico Luiz MouraNascido em 4 de maio de 1925 no bairro do botafogo na cidade de Rio de Janeiro, Luiz Moura estudou na Faculdade Nacional de  Medicina (UFRJ) quando a universidade ainda ficava na praia vermelha, mesmo lugar em que seu pai se formara também em medicina, por volta de 1918.

Médico clinico geral, foi vice diretor do Hospital Federal Cardoso Fontes e Hospital Federal de Bonsucesso, 2 dos maiores hospitais do Rio de Janeiro. Presidente do INPS, na época em que este englobava o INAMPS, diretor de DINEPES órgão de fiscalização que deu lugar a ANVISA, diretor de medicina social do estado do Rio de Janeiro, fundador da CEME central de medicamentos o que o inseriu na lista negra da industria farmacêutica, se o governador Jose cerra é o pai dos genéricos ele é o avo, aposentou-se como coordenador administrativo médico do estado RJ. Ficou conhecido pela divulgação da Auto hemoterapia. Mas grande conhecedor do C.M PA.

Cloreto de Magnésio por Dr. Lair Ribeiro.

dr lair ribeiroLair Geraldo Theodoro Ribeiro, nascido em 6 de julho de 1945. É médico cardiologista, nutrólogo, neurologista. Viveu por muitos anos nos Estados Unidos onde desenvolveu suas habilidades nos campos da educação e empresarial. É conhecido como Dr. Lair Ribeiro.

O autor foi capa da Revista Exame em 1993, por suas publicações de auto-ajuda direcionadas a empresários e executivos.

Lair Ribeiro é palestrante internacional, autor de mais de 100 trabalhos científicos publicados em revistas médicas norte-americanas, e de 35 livros (13 best sellers), 19 dos quais já traduzidos para outros idiomas, sendo, também, best sellers em países da América Latina e da Europa.

Agora que você conhece um pouquinho da biografia deste incrível homem, veja abaixo o que o Dr. Lair Ribeiro tem a nos falar sobre o Cloreto de Magnésio.

Conheça a Banha de porco

Conheça a Ozonioterapia

Conheça o café marita

Existem efeitos colaterais do cloreto de magnésio??

Mas conforme no vídeo abaixo o Dr. Luiz Moura explica que não.

Ele normalmente é muito utilizado por pessoas que sofrem deficiência de magnésio no corpo, ou pessoas que praticam regularmente esportes e atividades físicas, embora ele seja muito conhecido no mercado, muitas pessoas desconhecem seus verdadeiros benefícios.

O magnésio tem grande influência sob o nosso corpo deixando nosso organismo mais jovem e mais vigoroso, imune de várias doenças gerada no sangue, hipertensão, problemas renal, auxilia no funcionamento do metabolismo e a ainda ajuda a melhorar o funcionamento do sistema nervoso, e, além disso, previne contra doenças cardiovasculares.

Às vezes por falta de saúde ou por dietas inadequadas que tentamos fazer sozinhos sem a ajuda de um nutricionista e sem fazer os devidos exames médicos, ou inclusive com uso de medicamentos fortes; tudo isso pode fazer com que o magnésio que temos em nosso corpo aos poucos vá diminuindo.

O magnésio funciona em nosso organismo diferentemente do cálcio que por sua vez fica retido em nosso corpo, enquanto o magnésio em algumas vezes é eliminado, e se não for reposto através de uma boa alimentação pode causar consequências maiores a nossa saúde.

Na maioria das vezes a insuficiência de magnésio no nosso corpo é causada por dietas ricas em frutas ou proteínas, diarreia, álcool, cafeína, ingestão de açúcar e alto estresse do dia a dia, no entanto outras situações também podem contribuir para a falta de magnésio em nosso corpo.

Devido a essa deficiência de magnésio que nosso corpo é submetido, você deve optar por restaurar esse mineral fazendo uso de alimentos que possui magnésio, sulfato de magnésio e oxido de magnésio ou até mesmo optar por tomar o magnésio que é o mais comum entre as pessoas.

Apesar de ser um suplemento ótimo para a saúde ele também possui reações contrárias ou adversas que podem ser prejudicial a nossa saúde, por isso antes de consumi-lo é importante consultar o médico para saber se você pode ou não ingerir magnésio.

Além disso, antes de consumi-lo você deve consultar a bula do cloreto de magnésio para conhecer todas as contra indicações do produto.

O magnésio por sua vez é formado por magnésio e cloro, e ainda muitas outras aplicações industriais que são ideais para melhorar o desempenho do nosso organismo, segundo um especialista de saúde muitas doenças que atualmente surgem é devido à carência de magnésio no corpo.

Ao começar a ingeri-lô o cálcio calcificado é eliminado de locais indevidos do corpo e mandado direto para os ossos e, além disso, o magnésio ingerido consegue normalizar a circulação de sangue, estabiliza a pressão arterial, e ainda ajuda a melhorar o sistema nervoso.

Além de todos esses benefícios, ele ainda é um ótimo aliado para combater a artrite e artrose, problemas de nervos, bico de papagaio, coluna e calcificação, além disso, ele age como uma espécie de calmante ajudando a relaxar a musculatura e deixando o corpo mais vigoroso.

A falta de uma alimentação adequada pode causar a falta de magnésio no corpo que por sua vez causa o aparecimento de muitas doenças e outros problemas de saúde.

Mas como notar a deficiência de cloreto magnésio no meu corpo? É simples! Normalmente pessoas com deficiência de cloreto de magnésio no corpo costuma apresentar sintomas como, por exemplo, entre os mais comuns estão; dormência, náuseas, câimbras, fraqueza, pouco apetite e até mesmo espasmos no coração e fadiga.cloreto de magnesio bula

Ele é um suplemento que pode ser usado por diversas pessoas embora para melhorar o desempenho do corpo e ainda prevenir algumas doenças.

No entanto o uso indevido ou superdose  pode causar efeitos colaterais como, por exemplo, náuseas, diarreia, dor abdominal, pode causar alguns efeitos colaterais como, queda de pressão arterial, letargia, alterações no ritmo cardíaco, confusão, fraqueza muscular, alterações na função renal, problemas respiratórios, e parada cardíaca.

Para que você tome a dose certa nos horários corretos antes de consumir consulte seu médico, além disso, alie esse suplemento a uma boa dieta alimentar que pode ajudar ainda mais nos resultados.

Como tomar o cloreto de magnésio? Segundo as principais indicações de profissionais de saúde, deve ser consumido em média 2 colheres por dia por pessoas com idade superior a 35 anos e para pessoas com idade inferior a 35 anos o ideal é consumir ¹/2 colher de magnésio ao dia. A dosagem pode variar de acordo a idade e de acordo com as orientações medica.

Cloreto de magnésio, contra indicação! É importante ressaltar que como qualquer outro medicamento ou suplementação ele também tem suas contra indicações, que podem variar de acordo cada tipo de pessoa e também do quadro de saúde de cada uma delas.

Contraindicado para pessoas que sofrem com diarreia constante, pois funciona como um laxante natural e quando é consumido por via oral o excesso do seu provoca fortes diarreia ou colite. Além disso, é contraindicado para pessoas com insuficiência renal aguda, que antes de consumi-lo deve procurar um medico.

Também esta contra indicado para mulheres gestantes que já esta em período avançado. Se você deseja fazer seu uso mas ainda tem duvida ele é contra indicado para você, recomendo que você procure um médico para maiores informações, pois os efeitos colaterais do cloreto de magnésio pode variar de acordo cada organismo.

Ao tomar se você notar algo de errado com seu organismo procure um medico imediatamente, pois na maioria dos casos mesmo que o magnésio seja indicado por médicos, eles ainda costumam causar efeitos colaterais.

Se você já usa há mais tempo não deixe de compartilhar conosco a sua opinião sobre esse suplemento de magnésio, e se você ainda tem alguma dúvida entre em contato conosco.

Cloreto de magnésio emagrece?

cloreto magnesio emagreceCom base em comprovações cientificas o cloreto de magnésio contribui para o emagrecimento devido o seu auxílio no combate a ansiedade e na fadiga crônica. Como você deve saber a ansiedade é um dos maiores causadores da obesidade.

Atualmente o seu uso é muito comum por atletas que usam a fim de manter o corpo saudável e ainda auxiliar no emagrecimento e ganho de massa muscular.

  • Cloreto de magnésio ajuda emagrecer: O cloreto de magnésio é muito utilizado por pessoas que deseja emagrecer, pois ele é responsável por ativar as enzimas na quebra do ciclo da alimentação excessiva, além disso, ele ajuda a combater ou controlar a ansiedade, o desejo de comer, além de saciar a fome por longo período.
  • Cloreto de magnésio ajuda no Ganho de massa muscular: Pessoas que possui deficiência de magnésio no corpo ou níveis baixo desse mineral geralmente sofre perda de energia.

Com os níveis de magnésio regulado no corpo, e com o corpo trabalhando 100% a disponibilidade de energia é maior, consequentemente seu corpo fica mais resistente e você consegue realizar treinos mais intensos para ganhar massa muscular.

emagreceA ansiedade faz com as pessoas engordem mais rápido, e não conseguem emagrecer, pois pessoas ansiosas sempre acabam consumindo qualquer tipo de alimento de forma exagerada, impedindo que a pessoa venha emagrecer.

Controlando a ansiedade é possível emagrecer e isso é uma dos grandes benefícios do cloreto de magnésio, pois ajuda controlar a ansiedade e posteriormente favorece o emagrecimento.

Muitas pessoas têm buscado meios para emagrecer embora ainda não tenha encontrado, pois têm feito exercícios, dietas e nada tem adiantado, no entanto é importante você saber que o emagrecimento está diretamente ligado com outros fatores que na maioria das vezes desconhecemos.

Embora um dos principais fatores que interfere em muitas áreas da nossa saúde são a ansiedade e a fadiga, que na maioria das vezes nos leva a tomar atitudes sem pensar ou até mesmo sofre um ataque cardíaco, devido a tanta ansiedade e fadiga. Mas como citado o cloreto de magnésio em meios a tantos benefícios carrega consigo o poder de controlar esses dois males.

Se você esta em busca de meios para emagrecer, tem feito caminhada, tem ido à academia, tem feito dietas mais não tem conseguido emagrecer, o recomendado é procurar um nutricionista para esclarecer suas duvidas e lhe dizer qual o motivo na qual você não consegue emagrecer.

Depois de procurar um nutricionista e saber qual dieta você irá fazer, é hora de começar a aproveitar os benefícios do cloreto de magnésio.

Atualmente o cloreto de magnésio vem sendo comercializado em farmácias em formato de casulas, ou tabletes o que permite que qualquer pessoa possa adquiri-lo, pois antigamente ele era comercializado somente em pó e ainda precisava ser preparado para consumo.

A comprovação científica de que o cloreto de magnésio proporciona muitos benefícios para nossa saúde, como também a falta de suplemento em nosso corpo pode favorecer o aparecimento de muitas doenças entre vários outros problemas.

Outro fator importante sobre o cloreto de magnésio no ganho de massa muscular é que esse mineral ajuda aumentar os níveis de testosterona que é hoje um dos maiores responsáveis pelo o ganho de massa corporal, além disso, o cloreto de magnésio ajuda na recuperação de massa muscular.

  • Digestão adequada: O cloreto de magnésio também auxilia no processo digestivo evitando dores abdominais, má indigestão, gases, vômitos e constipação, além disso, ele atua também como um laxante natural. Para manter a ainda melhor a saúde intestinal o cloreto de magnésio ajuda a prevenir doenças como hemorroida, prisão de ventre entre outras coisas.
  • Melhora o sono: Parece loucura não é mesmo? Mas o cloreto de magnésio ajuda a regular a produção do hormônio conhecido como melatonina responsável pelo o sono, o que proporciona a você um sono melhor, com mais possibilidade de descanso e ainda melhora a recuperação de energia.

Quem tem deficiência de melatonina no corpo tende a dormir muito mal, e pessoas com problemas de insônia tende a ganhar peso facilmente, então esse é outro motivo do por que o cloreto de magnésio emagrece.

  • Melhora a absorção de nutrientes e vitaminas: Às vezes consumimos vários alimentos ricos em vitaminas e nutrientes, no entanto o nosso corpo não consegue absorve-lo, e o cloreto de magnésio por sua vez é ótimo para auxiliar na absorção de vitaminas e nutrientes.

Pois o magnésio ativa as enzimas do corpo que ajuda na quebra de nutrientes, vitaminas e minerais como; o cálcio, fósforo, potássio, sódio, e inclusive diversas vitaminas.

 Além disso, o cloreto de magnésio ajuda a manter os níveis de vitaminas e nutrientes nos níveis correto para o corpo, favorecendo o perfeito funcionamento do organismo.

  • Saúde mental e nervosa: O cloreto de magnésio auxilia também no controle e prevenção de ataques nervosos, ajuda a melhorar a saúde mental como; Agitação excessiva, ataques de pânicos, estresse e ansiedade podem ser evitados ou ter seus níveis diminuídos graças ao cloreto de magnésio.
  • Regula os níveis de açúcar no sangue: O cloreto de magnésio ajuda a manter controlados os níveis de açúcar no sangue, ajudando no controle de diabetes.

No entanto depois de ler todos os benefícios é possível notar que o cloreto de magnésio emagrece e pode ser usado por qualquer pessoa.

Comentários

Comentários